Escolas de Açores ensinam a decodificar publicidade

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

A Associação Portuguesa de Anunciantes (APAN) recebeu os primeiros pedidos das escolas do 1.º e 2.º Ciclos do Ensino Básico dos Açores para a disponibilização do Módulo 1 do Programa Media Smart, num total de 14 escolas.

Mais de 1.800 escolas públicas e privadas – cerca de 26% da totalidade do parque escolar nacional do ensino básico – já têm acesso a todos os materiais do Módulo 1 do Media Smart, disponibilizados gratuitamente pela APAN.

O programa Media Smart destina-se a desenvolver as competências das crianças para interpretar mensagens publicitárias, sendo constituído por três módulos que abordam diferentes vertentes da publicidade – introdução à publicidade, publicidade dirigida a crianças e publicidade não comercial.

O programa iniciou-se oficialmente no dia 21 de Fevereiro, numa iniciativa da APAN e do Ministério da Educação, e visa dotar os alunos do 1.º e 2.º Ciclos de ferramentas que lhes permitam compreender e interpretar a publicidade, com o objetivo de «fazer escolhas mais conscientes».

O Programa Media Smart é utilizado como ferramenta de ensino em mais de 68 mil escolas na Europa, tendo Portugal sido o primeiro país do sul da Europa a adotar o programa.

Atualmente está em vários países europeus, como o Reino Unido, a Holanda, a Bélgica, a Alemanha, a Finlândia, a Suécia e a Hungria, tendo sido recentemente lançado em Portugal e na Itália e estando em avaliação na França, Irlanda e Islândia.

Veja mais informações sobre o Media Smart em minha postagem anterior sobre o assunto.

Fonte: Diário dos Açores – 24/06/08

Comments

comments

Comments

comments