Desenhos de Popeye agora são de domínio público na Europa

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Setenta anos após a morte de seu criador, Elzie Segar, os desenhos do marinheiro Popeye se tornaram de domínio público na Europa. A informação é do jornal britânico “The London Times”.

De acordo com a reportagem, os desenhos do personagem perderam seus direitos autorais a partir do primeiro dia de 2009, e agora podem ser usados por qualquer pessoa sem que seja necessário o pagamento de alguma taxa ou autorização prévia.

A reportagem ainda explica que, embora a Europa proteja os direitos de uma obra durante 70 anos após a morte de seu criador, a política norte-americana é diferente e, por lá, os desenhos de Popeye estarão protegidos até 2024.

De acordo com o texto, o marinheiro Popeye apareceu em diversas histórias em quadrinhos, desenhos animados, jogos, filmes e propagandas desde que foi criado, em 1929, e gerou cerca de US$2,2 bilhões (cerca de R$ 5 bilhões) em vendas anuais.

“Popeye é um dos primeiros desenhos famosos do século 20 a perder seus direitos autorais”, disse Mark Owen, um especialista em propriedade intelectual, ao jornal.

Fonte: Folha Online – 04/01/09

—–

O agente de licenciamento do Popeye no Brasil , Creative Licensing, encaminhou um desmentido para esta notícia, enviado pela King Features (detentora dos direitos do personagem). Veja no comentário.

Comments

comments

Comments

comments