Azaléia investe R$ 2 milhões no sapato da Bratz

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Dois meses depois de ser comprada pela Vulcabras, a Azaléia faz seu primeiro lançamento. Trata-se de um novo modelo de sandália da linha Funny, criada pela Azaléia em 2005 para o público pré-adolescente. O lançamento, batizado como Bratz Funny, marca ainda a entrada da linha de calçados no segmento de licenciamentos, no caso as bonecas Bratz.

Segundo Paulo Santana, diretor de marketing da Azaléia, os sapatos Bratz devem representar 50% da produção da linha Funny, que é de 1,5 milhão de pares por ano. Os modelos Funny respondem por 5% da Azaléia, que em 2006 faturou R$ 719,6 milhões.

Segundo o Valor apurou, a Azaléia pagará royalties de 7% sobre as vendas do produto para a ITC Licensing, representante da americana MGA Entertainment, fabricante da Bratz. A Azaléia está investindo R$ 2 milhões em ações de marketing, com propaganda em canais de TV para crianças (Cartoon Networks e Nickelodeon) e no SBT. E pretende lançar em janeiro de 2008 mais quatro modelos Bratz Funny.

“A idéia é criar um modelo de sapato para cada uma das quatro personagens Bratz”, diz Santana, que prevê uma grande demanda por conta da estréia em outubro nos cinemas de um filme protagonizado pelas bonecas.

Apesar de todo o rebuliço envolvendo recalls e proibição de importação de brinquedos, Santana não acredita que as vendas das sandálias inspiradas nas bonecas Bratz – cuja importação é feita pela Gulliver – sejam impactadas. “Com certeza, os nossos sapatos não terão recall”, diz o diretor. Os sapatos serão fabricados pela Azaléia, que possui três fábricas no Brasil. Além da Funny, a empresa tem as marcas Azaléia, Dijean, A/Z, Opanka e os tênis Olimpikus e OLK. Em julho, a Azaléia foi vendida por R$ 387 milhões à Vulcabras, que detém no Brasil o licenciamento dos tênis Reebok.

Fonte: Valor Econômico – 13/09/07

Comments

comments

Comments

comments